Manutenção da Perda de Peso a Longo Prazo

 

Existe a perceção geral de que quem perde peso acaba por voltar a ganhá-lo ao longo do tempo, estando bem patente a ideia frustrante do insucesso de um programa de perda de peso conforme o tempo vai passando.

Estudos apontam que aproximadamente 20% dos indivíduos com excesso de peso conseguem ter sucesso a longo prazo, perdendo cerca de 10% do seu peso inicial e mantendo essa perda por um período mínimo de 1 ano.

De acordo com McGuire et al. “Estudo Descritivo de Indivíduos Bem Sucedidos na Manutenção a Longo Prazo da Perda de Peso Substancial”, indicam que:

– Num programa típico de perda de peso, na generalidade os participantes perdem em média entre 7 a 10% do seu peso, ao longo de 6 meses de participação e mantêm cerca de aproximadamente 5 a 6% do peso durante o primeiro ano. 

– Indivíduos que conseguem manter o peso perdido num período de 2 anos, conseguem reduzir o risco de reganho em 50%. 

Reganhar o peso acontece frequentemente e como é dito na gíria “Ganhar é mais fácil que perder”… Efetivamente a incapacidade de manter comportamentos saudáveis ao nível alimentar e de exercício físico conduzem ao relapso ao longo do tempo.

Por outro lado, alguns fatores parecem ser a chave para a manutenção do peso tais como:

– Altos níveis de prática de atividade física;

– Alimentação com baixo conteúdo calórico;

– Comer o pequeno-almoço regularmente;

– Auto monitorização do peso;

– Manutenção de um padrão consistente de alimentação ao longo dos dias: Smart Nutrition Estratégia 10 + 10

É importante ressalvar que a obesidade não é só um problema de força de vontade ou de autocontrolo, mas sim uma doença complexa que envolve a regulação do apetite e do metabolismo energético.

Estratégias efetivas de perda de peso envolvem não só terapêuticas combinadas a nível nutricional e exercício físico como também intervenções de âmbito comportamental. 

No sentido de identificar as ações que os indivíduos preconizam na tentativa de perda e manutenção de peso o RNCP (Registo Nacional de Controlo de Peso) é um instrumento voluntário que serve como uma plataforma de partilha de experiências associadas a casos de sucesso. 

Algumas das estratégias comtempladas são:

– Começar por subir as escadas;

– Começar a tomar o pequeno-almoço;

– Escolha dos alimentos mais criteriosa;

– Redução das porções alimentares;

– Redução da gordura;

– Realizar atividade física, aproximadamente (2500 a 3500 Kcal/semana) ou aproximadamente 200 a 250 minutos semanais de atividade física moderada a vigorosa.

Verifique e/ou participe em https://panosr.fmh.ulisboa.pt/rncp.

 Utilize o conhecimento a seu favor, exija uma alimentação e exercitação inteligentes e construa o seu próprio caso de sucesso.