Obesidade e Atividade Física no Meio Aquático

O exercício aquático, devido à flutuabilidade e as propriedades térmicas próprias da água, oferece uma excelente opção terapêutica para promover a qualidade de vida das pessoas que convivem com a obesidade, além de observar uma diminuição do IMC, como já foi demonstrado por Cadmus et al. . (2010) entre outros mais cientistas implicados no estudo do complexo mundo da obesidade.

    

 Por que é recomendado que os programas de atividade física para pessoas obesas sejam realizados no meio aquático?

 

     Pelos benefícios que a água proporciona ao realizar qualquer tipo de atividade. Mas, atenção, não queremos dizer que a atividade a ser realizada seja a natação, pois isso requer a realização de movimentos coordenados e extensivos que podem ser complicados para os sujeitos obesos. Estamos a falar de atividades aquáticas alternativas que envolvem todo o corpo, tais como: dança aeróbica, ginástica, treino de endurance ou circuito aquático.

 

     2    A diminuição do efeito gravitacional no ambiente aquático em relação ao terrestre e a presença da força flutuante, produzem uma série de benefícios para a realização da atividade física nas pessoas obesas, tais como:

                –       a liberação do peso corporal

               –       distensão da massa muscular e redução do impacto articular, de extrema importância em indivíduos obesos, pois as suas articulações não estão preparadas para suportar a alta carga que seu próprio peso corporal representa para elas. No ambiente aquático as articulações não sofrem os efeitos da gravidade. Além disso, o ambiente aquático facilita a movimentação tanto articular como muscular, embora nos estágios iniciais possa haver alguma desorientação e sensação de insegurança no ambiente, é uma questão, mais uma vez, de … adaptar-se ao ambiente!

 

  Por tudo isso, podemos dizer que o treino físico em ambiente aquático é adequado para todas as pessoas obesas de qualquer idade. A intensidade deve ser variável, passando de baixa a moderada, com um período mínimo inicial de 6 semanas e frequência semanal de 2 sessões de pelo menos 60 minutos, para depois progredir de acordo com a evolução de cada caso. E finalmente, a temperatura da água deve estar entre 17 e 22 °.

 

Usufruir da água é saudável e muito agradável !